Vai Ficar Tudo Bem 🌈 Envios CTT Azul e Registado (Portugal, Ilhas e Resto do Mundo e NACEX(24h Portugal Continental)
  Blog

Saiba quais os alimentos que deve dar nos primeiros meses de vida do seu bebé.

Escrito em 13 de Fev. de 2020

Saiba quais os alimentos que deve dar nos primeiros meses de vida do seu bebé.

Alimentação do bebé 0 aos 12 meses

Uma imagem com pessoa, interior, bebé, parede

Descrição gerada automaticamente

O leite materno é um alimento completo para a criança se alimentar até atingir os 4 meses. A partir dessa idade, pode e deve diversificar a alimentação do bebé, introduzindo fontes de ferro, proteínas e nutrientes saudáveis.  

É, contudo, importante frisar, que caso a alimentação consista no leite materno, essa dieta pode ser mantida de forma exclusiva até os 6 meses de idade.  

Uma imagem com texto

Descrição gerada automaticamente

É comum que os pais tenham dúvidas em relação aos alimentos que podem ser introduzidos na dieta do bebé. E, se essa é sua dúvida atual, não se preocupe que existem milhares de outras mães com a mesma questão.  

Saiba que esse processo deve ser feito de forma gradual. Deve apresentar aos poucos os novos sabores e texturas ao paladar da criança. 

Conheça algumas fontes ricas em proteínas e energia que podem servir como excelentes opções na alimentação do seu bebé. E, o melhor de tudo é que podem ser colocadas nos pacotinhos Squeez!

 

Alimentação bebé: 6 alimentos que pode colocar no Squeez

A partir dos 4 meses, já é possível introduzir os alimentos sólidos na alimentação do bebé. Esta nova dieta deve favorecer a maior absorção de nutrientes e proteínas já que serão fundamentais ao desenvolvimento da criança. 

Veja de seguida 6 opções que pode colocar no Squeez para promover a autonomia de alimentação do bebé (e sem que ele suje a roupa toda).

1 - Papas  

As papas são ideais para iniciar a transição da alimentação exclusivamente láctea para outros tipos de alimentos. 

Isso porque a sua textura facilita a deglutição da criança, e acaba por ser uma opção de alimentação bastante versátil. 

É possível fazer papinhas com legumes ou frutas, combinando vários tipos como banana com maça, ou batata e cenoura. Uma dica importante é nunca adicionar sal ou açúcar nas papas. 

Uma imagem com mesa, alimentação, de madeira, café

Descrição gerada automaticamente

2 - Carne  

As carnes só devem ser introduzidas na alimentação do bebé a partir dos 6 meses de idade. A partir dessa fase, o ideal é iniciar pelas carnes brancas. 

Comece por introduzir primeiro o frango ou peito de peru, e posteriormente a carne de vaca. É importante iniciar aos poucos, pois a carne vermelha é mais difícil de ser digerida.

Numa primeira fase a carne poderá ser inserida e triturada com a sopa.  

Uma imagem com chávena, interior, mesa, alimentação

Descrição gerada automaticamente

 

3 - Peixe  

O peixe pode fazer parte da dieta das crianças a partir dos 7 meses, alternando-se com outras opções proteína.  

Dê preferência a peixes magros como o linguado ou pescada. O recomendável é limitar a quantidade para aproximadamente 15 a 20 gramas por dia. 

O peixe também pode ser triturado e colocado na sopa numa fase mais inicial.

Uma imagem com mesa, pessoa, alimentação, interior

Descrição gerada automaticamente

 

4 – Quando dar o Ovo ao Bebé  

Outra fonte de proteína importante é o ovo. O mesmo pode ser inserido na alimentação do bebé a partir dos 6 meses, mas uma vez que é um alimento que poderá causar alergias, os pediatras em Portugal, aconselham que seja a partir dos 9 meses, MAS só a gema, a clara apenas a partir dos 12meses.  Fazer atenção que o ovo tem que ser bem cozido, devido à Salmonella. 

Uma imagem com ovo, alimentação, mesa, prato

Descrição gerada automaticamente

 

 

 

 

 

5 - Frutas  

As frutas são permitidas, desde que estejam frescas e maduras. Para aproveitar todos os seus nutrientes devem ser inseridas na dieta cruas e sem adição de açúcar ou cozidas a vapo. 

Frutas macias como banana, pera e maça cozida podem ser oferecidas ao bebé na forma de papa. São ideais como sobremesa, e não devem substituir uma refeição. Mas, são um excelente complemento.